MECÂNICA
|
CURIOSIDADES
|
NOTÍCIAS



Um jardim chinês instalado em Manila, nas Filipinas. Nele encontram-se murais com letras chinesas. (Fonte: Commons)

Nem todos os caracteres chineses são dificeis de entender.

Os caracteres chineses são considerados um dos métodos de escrita mais complexos que existe no mundo. Com linhas e curvas que parecem abstratos demais, parece impossível prever o significado destes símbolos sem saber o idioma profundamente. No entanto, existem alguns grupos de categorização de caracteres que podem ser entendidos por pessoas leigas: veremos algumas deles neste artigo.

Os pictogramas são caracteres que representam, de forma estilizada, objetos ou ideias abstratas. Um exemplo: o caractere 木 significa “árvore”, com uma representação gráfica bastante aproximada: a linha vertical seria o tronco, enquanto as demais linhas seriam os galhos. A estilização dos caracteres se deu pelo uso do pincel para a escrita que dificulta o desenho de curvas precisas, comprometendo a “fidelidade visual” destas letras.

Alguns deles, por sua vez, sobreviveram à estilização, apresentando significados bem óbvios: um exemplo seria 人, que significa “pessoa” e se pronuncia como rén, parecendo um adulto de pé. Os pares 凹 e 凸 significam, respectivamente, “concavidade” e “convexidade”. Por fim, a palavra 日 é traduzida como “sol”, sendo uma versão quadrada deste corpo celeste.

A muralha da China que, em letras chinesas, pode ser escrito como 萬里長城.
A muralha da China é um dos principais destaques do país. (Fonte: Commons)

Outro tipo de categorização de letras chinesas é o ideograma, que consiste em pictogramas que possuem sutis alterações. A palavra 木, mencionada anteriormente, pode ser transformada em 本 com a adição de um traço horizontal inferior, modificando o sentido de “árvore” para “livro”. Essa linha acrescentada acentua a parte das raízes de uma árvore – e o livro seria “as raízes” do conhecimento.

Estes caracteres podem sofrer transformações, adotando novos formatos para se unir com outras letras, formando palavras compostas de sentidos diferentes. Se combinarmos 木, “árvore” com a palavra 人, “pessoa”, teremos 休 (com a palavra se referindo a pessoa sendo transformada em 亻), que significa “descanso” – uma pessoa encostada em uma árvore, em repouso.

É claro que o idioma chinês não consiste apenas de pictogramas e ideogramas intuitivos: outras categorias existem para representar conceitos mais complexos, que constituem quase 90% da língua. Um exemplo é 火花塞, “huohuasai”, que significa “vela de ignição”, combina os caracteres para “faísca” e “encher”. Já 離合器, “líhéqì”, é a tradução da palavra “embreagem”, que combina “separação e reunião” com “ferramenta”. A palavra 鬱, que pode ser traduzida como “exuberante”, possui 29 passadas e é uma das letras mais demoradas de escrever neste idioma, composta por diversos caracteres. Mas, com os ideogramas e pictogramas, um leigo não ficará totalmente no escuro.

Considerando todos seus dialetos, o chinês é uma das línguas mais faladas do mundo, e sem dúvidas uma das mais difíceis de aprender. No entanto, com essas informações, é possível observar uma ordem no meio desse idioma aparentemente caótico. Em qualquer caso, ainda dá para conhecer a China visitando Macau, que fala português.

Redação pecahoje.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ENVIO IMEDIATOENVIO
IMEDIATO

O maior estoque
do Brasil

AVALIAÇÕES EXCELENTESAVALIAÇÕES
EXCELENTES

Altíssimo índice de
avaliações positivas

PREÇO IMBATÍVELPREÇO
IMBATÍVEL

Desconto à vista ou
parcelado sem juros

COMPRA 100% SEGURACOMPRA
100% SEGURA

Credibilidade e
comprometimento



Plataforma

VTEX
WhatsApp chat